Quem sou eu

Minha foto
Sou Guerreira, romântica, poeta, escritora, paciente, prudente, perseverante, amante da natureza...

Follow by Email

Minha lista de blogs

Dias de Vida do blog

Total de visualizações de página

8 de abril de 2010

Vamos nos cuidar (SAÚDE) Gripe



Para não ficar gripado
O outono está ai, anunciado as doenças da estação. Como evita-las?
Já faz parte do calendário brasileiro de saúde: no outono, as pessoas devem se vacinar contra gripe. Estamos falando de uma doença muito comum e bastante contagiosa, causada por vírus que se espalham quando a pessoa gripada tosse ou espirra.
É uma doença incomoda, que causa febre, dores no corpo, mal-estar e pode ter complicações graves, como a pneumonia, acometendo principalmente idosos e pessoas debilitadas. Gripe não é resfriado, doença causadas por outros tipos de vírus.
Os chamados anti gripais não evitam a gripe, nem curam a doença; podem, contudo, aliviar os sintomas. O que de fato evita a gripe é a vacina. Todo ano é preparado um novo tipo de vacina, trabalho coordenado pela Organização Mundial de Saúde. Uma rede de laboratórios em mais de 80 países identifica os vírus mais frequentes no momento, e, contra eles, é preparado a vacina, eficaz em mais de 80% dos casos. A proteção começa 15 dias depois da vacinação e dura mais ou menos um ano.
Alguns dizem: "Tomei a vacina e me gripei", mas isto não e por causa da imunizante, que é preparado com vírus mortos, mas porque a pessoa já estava incubando a doença ao se vacinar.
A vacina é particularmente indicada para pessoas com mais de 60 anos, ou que tenham diabete, Aids, doenças pulmonares, doença renais e cardiopatias. E está disponível na rede pública de saúde em todo o país.
Fonte: Seleções
Por: Moacyr Scliar
é medico especialista em Saúde Pública, escritor e membro da Academia Brasileira de Letras.

4 comentários :

  • Guará Matos says:
    8 de abril de 2010 19:44

    Então vamos seguir suas dicas e cuidarmos de nossa saúde.
    Bjs.

  • Vampira Dea says:
    9 de abril de 2010 00:26

    Agora já era, gripei,rsrsrs

  • FERNANDO says:
    9 de abril de 2010 07:57

    Parabéns pela dicas preciosas, amigão. Afinal, saúde é coisa séria.
    No entanto, é difícil a gente se manter "nos trinques" aqui em SAMPA, ultimamente. Já são três dias de tempo instável (na acepção da palavra), com queda pronunciada de temperatura (por volta de 13 graus durante a madrugada) e alterância rápida entre sol e chuva. Ontem mesmo, quando fui ao Banco, procurei estacionar o carro na sombra para evitar que o interior parecesse uma fornalha sob efeito do sol, No entanto, quando saí da agência (depois de uns 15 minutos), chovia copiosamente. Quando parei no supermercado, cerca de 10 minutos depois, já havia sol outra vez.
    Vai entender (risos).
    Abração, querido, e um ótimo final de semana pra você.

  • Denise Guerra says:
    10 de abril de 2010 11:44

    Oi amigos, ótimas dicas, ainda ontem tomei duas vacinas por causa da viagem que farei e uma delas a tal H1N1 foi tranquila não tive nenhuma reação! Vim visitá-los e contar um pouquinho da minha agitada vidinha por causa do meu pouco tempo na Web. Entre outros afazeres(trabalhos, casa etc) vcs sabem que eu escrevo para a revista África e Africanidades e darei uma palestra nesta segunda dia 12/04, bem, por causa deste trabalho também fui convidada para dar aulas p/ professores indígenas no Mato Grosso do Sul, então, devo viajar no próximo 21/04 e ficar 5 dias lá com os índios Nambiqwara. Claro que tô super atarefada com os preparativos do curso que darei e também pela viagem. Então, peço desculpas aí pelas poucas visitas e já aviso que sumirei um pouco mais na semana do feriadão. Um grande beijo no coração de vcs! Nos vemos por aí!!

Comentários atuais

Seguidores

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também

Uol

Gostou do Blog? Então doe um drinque?

Estamos no Google+

Google+ Followers

Lançamento do livro de Rita Cidreira

Lançamento do livro de Rita Cidreira
Os maus tratos vividos em um casamento conturbado de uma mulher bem sucedida na vida vão transformar sua vida e viver um dilema de sentimentos. Ela luta com a ajuda da família, para solucionar o problema e se renova buscando a força necessária, para reviver uma nova historia, encontrado no acaso, através da ajuda de um homem desconhecido a força do amor que ira desabrochar e vai mudar toda sua vida. A mudança de um homem, que por causa de um atropelamento, ressurge, emerge para o brilho da vida e persevera, perseguindo seu real objetivo, para viver seu grande amor. Mesmo sabendo de todas as dificuldades que irá encontrar para prosseguir o seu caminho. Categorias: Romance, Poesia, Ficção e Romance, Ficção Palavras-chave: a, amor, do, força, fronteiras., sem. Clique na imagem que levará ao Clube dos Autores e adquira seu exemplar.