Quem sou eu

Minha foto
Sou Guerreira, romântica, poeta, escritora, paciente, prudente, perseverante, amante da natureza...

Follow by Email

Minha lista de blogs

Dias de Vida do blog

Total de visualizações de página

1 de março de 2010

POESIA É A ARTE DE EXPRESSAR O SENTIMENTO DA ALMA.


TUA MOLDURA

Conheço tua moldura, que esboça tua imagem mais pura,
No meu pensamento tua formosura.
Me encanto e transformo o sonho em acalanto,
Me realizando e retendo o pranto.

Fecho os meus olhos e ti vejo em moldura...
Abro os pensamentos e ti sinto, pura e verdadeira,
Que faz brilhar, com a tua beleza, a minha vida inteira,

Vejo tua imagem, gostaria que fosse a realidade...
Enfatizo o amor, no intuito de aliviar a dor,
Na busca de encurtar a distância e dar mais cor.
Quero puxar a alavanca, que distância você de mim
E arrancar do peito, esta ânsia e trazer você para mim...

Enfatizo sua imagem, no cerne da mente,
E encontro a tua alma, na ânsia contente,
No desejo ardente, de encontrar-me como gente...
E entrar afluente, sintonizadamente e contente,
Com minha alma gente.

Retomo a minha mente a visão,
que recorda e ti coloca em minha frente.
Transformando o teu corpo em luz, a irradiar,
Resplandecente, a força do amor, em minha mente.
Impulsionando rapidamente, a minha vida para frente.

Revejo a tua moldura é a imagem mais pura,
Me eleva as alturas, em busca da coragem,
De revelar a minha imagem, revelando a realidade,
E falar a verdade, o quanto te amo de verdade!...
Rita Cidreira

8 comentários :

  • Guará Matos says:
    2 de março de 2010 00:07

    Que lindo poema Rita!
    Uma paixão retida, que quer explodir e é impedida pelo receio e isso se torna dor.
    Lindo mesmo!
    Beijos.

  • Rita Cidreira says:
    2 de março de 2010 00:15

    Isso é AMOR, meu querido Guará.
    Amor platônico!!!
    Beijos.

  • Sandra says:
    2 de março de 2010 10:17

    Você está de parabéns.
    Simplesmente, belo. amei..
    Como é bom escrever com o coração aberto..Nosso melhor motivo de viver eé quando temos o amor no coração e pela a vida.

    Venho lhe convidar para conhecer um lindo cantinho e ver quem está lá de convidada. Depois se vc. gostar fica o convite para ser minha mais nova seguidora.
    Conto contigo.
    Eis o endereço.
    http://sandraandradeendy.blogspot.com/

    Carinhosamente, vou te esperar.
    Sandra

  • Wanderley Elian Lima says:
    2 de março de 2010 19:09

    Olá amigo
    Lindo poema carregado de amor e emoção. amei
    Grande abraço

  • Meias de Seda (Suzy) says:
    2 de março de 2010 20:11

    Rita, você arrasa, mulher! Parabéns!
    Que poema lindo e inspirado. Adorei!

    Olha, você e Lu são dois amores. Será um prazer ir até a Bahia receber meu título, viu. Qualquer hora eu e Thomaz iremos até aí confraternizar com esse povo maravilhoso.

    Boa semana para vocês!
    Bjoksss ;)

  • Dom Quixote (Thomaz) says:
    3 de março de 2010 06:12

    Bela poesia. Só não entendi uma coisa, Rita. Ela é de sua autoria? Por que está escrito no feminino. Ou é do Lu?

  • Sonia Pallone says:
    3 de março de 2010 12:17

    Oi...Vi você entre os seguidores do Solidão de Alma, e segui seus rastros pra conhecer o seu espaço poético. Muito bom! Abraços.

  • Felina Mulher says:
    3 de março de 2010 14:34

    Amiga, eu vim te ler um pouquinho e te desejar um Feliz dia, cheio de amor e paz... meus parabéns pelo lindo texto,mas não se contenha...ame muitooo! Obrigada pelas palavras de carinho deixadas lá np Felina.Beijo aos dois, à vc e ao Lu.

Comentários atuais

Seguidores

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também

Uol

Gostou do Blog? Então doe um drinque?

Estamos no Google+

Google+ Followers

Lançamento do livro de Rita Cidreira

Lançamento do livro de Rita Cidreira
Os maus tratos vividos em um casamento conturbado de uma mulher bem sucedida na vida vão transformar sua vida e viver um dilema de sentimentos. Ela luta com a ajuda da família, para solucionar o problema e se renova buscando a força necessária, para reviver uma nova historia, encontrado no acaso, através da ajuda de um homem desconhecido a força do amor que ira desabrochar e vai mudar toda sua vida. A mudança de um homem, que por causa de um atropelamento, ressurge, emerge para o brilho da vida e persevera, perseguindo seu real objetivo, para viver seu grande amor. Mesmo sabendo de todas as dificuldades que irá encontrar para prosseguir o seu caminho. Categorias: Romance, Poesia, Ficção e Romance, Ficção Palavras-chave: a, amor, do, força, fronteiras., sem. Clique na imagem que levará ao Clube dos Autores e adquira seu exemplar.