Quem sou eu

Minha foto
Sou Guerreira, romântica, poeta, escritora, paciente, prudente, perseverante, amante da natureza...

Follow by Email

Minha lista de blogs

Dias de Vida do blog

Total de visualizações de página

2 de dezembro de 2010

Dia Nacional do Samba

 

Dia Nacional do Samba

2 de Dezembro

Samba
O dia do Samba, foi instituído pela Câmara de Vereadores da cidade de Salvador em 1940, como parte das homenagens ao compositor Ary Barroso, que um ano antes lançara “Aquarela do Brasil”, com certeza a música mais conhecida, executada e regravada fora do Brasil. Esta foi a data que ele (Ary Barroso) visitou Salvador pela primeira vez.
A festa foi se espalhando pelo Brasil e virou uma comemoração nacional e em 1963 foi instituído o Dia Nacional do Samba. Atualmente duas cidades costumam comemorar o Dia do Samba: Salvador e Rio de Janeiro.
Fonte: visaocarioca.com.br

 

2 de Dezembro

Você sabia que o dia 2 de dezembro é o Dia Nacional do Samba?
Mas por que justo no dia 2 de dezembro? O motivo é curioso: Ary Barroso (foto), um dos maiores compositores brasileiros de todos os tempos compôs o samba Na Baixa do Sapateiro, que tinha uma letra que exaltava a Bahia, sem nunca ter visitado nenhuma cidade baiana.
Mas na primeira vez que ele pisou em Salvador, num dia 2 de dezembro, o vereador baiano Luís Monteiro da Costa aprovou uma lei que declarava que aquele dia seria o Dia Nacional do Samba, numa forma de homenagear o compositor. A partir desse acontecimento a data tornou-se um dia para se comemorar toda a riqueza do samba, um dos principais patrimônios culturais brasileiros.
Atualmente somente duas cidades costumam comemorar o Dia do Samba: Salvador e Rio de Janeiro. Em Salvador sempre tem grandes shows lá no Pelourinho, com artistas e cantores famosos e com os sambistas locais. Alguns como Nelson Rufino, Walter Queiroz, recebendo convidados como Paulinho da Viola, Elza Soares, Dona Ivone Lara. No Rio de Janeiro a festa fica por conta do animadíssimo Pagode do Trem. No Dia do Samba o pessoal se reúne lá na Central do Brasil, lota um trem inteirinho e vai tocando e cantando até o bairro de Oswaldo Cruz, onde lá formam-se várias rodas de Samba. Os vagões vão sempre lotados e em cada vagão vai um grupo que agita as rodas de Samba do Rio de Janeiro, incluindo grupos com sambistas famosos e locais. Alguns vagões levam os repórteres e outros da mídia que aparecem por lá para registrarem o fato. A Beth Carvalho costuma aparecer por lá para dar aquela força.
Fonte: CEDI Câmara dos Deputados
Dia Nacional do Samba
Dia Nacional do Samba

2 de Dezembro

Se perguntarmos aos gringos o que surge em suas mentes quando pensam na palavra "Brasil", imediatamente eles responderão: "Carnaval, Ronaldinho, Caipirinha e... Samba".
O Samba é um gênero musical rapidamente associado ao nosso país. A animação presente nas rodas retrata a alma do brasileiro. E o dia 02 de dezembro é marcado por ser o Dia Nacional do Samba.
Reza a lenda que a escolha do dia 02 de dezembro para comemorar o Dia Nacional do Samba é inspirado na primeira vez em que o compositor mineiro Ary Barroso pisou em território baiano e foi homenageado pelo vereador Luis Monteiro da Costa com a instauração da data.
A homenagem do vereador baiano ao mestre da música Ary Barroso é baseada no samba "Na Baixa do Sapateiro", de 1938, em que Barroso reverencia a capital baiana.
Fonte: www.obaoba.com.br

18 comentários :

  • FERNANDO says:
    2 de dezembro de 2010 07:21

    Oi, Luizão.
    Informações curiosas e bem legais.
    Valeu mesmo, amigão. Quando a gente assiste aos notíciários, só vê desgraça a torto e a direito. Pelo menos aqui a gente ainda encontra amenidades interessantes e edificantes.
    Abração.

  • mARa says:
    2 de dezembro de 2010 07:42

    ...Samba e Ary Barroso, tudo a ver... E Aquarela do Brasil descreve a beleza que é nosso País...

    Ótima pedida pra esse fim de semana,Samba.

    Beijo!

  • Professora Carla Fernanda says:
    2 de dezembro de 2010 07:52

    Bom dia Lu! Eu li hoje na folhinha do Sagrado Coração de Jesus na minha casa que era dia do samba, mas não sabia de todo este histórico
    Engraçado que uma vez,cccccccc lá em Toledo, na Espanha, tinha uma feira internacional e na barraca do Brasil tinha feijoada e algumas daquelas mulatas maravilhosas do Rio de janeiro dançando samba. As pessoas estavam encantada admirando tanta beleza com tanta graça.
    Abraços,
    Carla Fernanda

  • Guará Matos says:
    2 de dezembro de 2010 09:03

    Amigo Lu, pra comemorar com muito Samba...

    TEM MAIS SAMBA
    Composição: Chico Buarque

    Tem mais samba no encontro que na espera
    Tem mais samba a maldade que a ferida
    Tem mais samba no porto que na vela
    Tem mais samba o perdão que a despedida
    Tem mais samba nas mãos do que nos olhos
    Tem mais samba no chão do que na lua
    Tem mais samba no homem que trabalha
    Tem mais samba no som que vem da rua
    Tem mais samba no peito de quem chora
    Tem mais samba no pranto de quem vê
    Que o bom samba não tem lugar nem hora
    O coração de fora
    Samba sem querer

    Vem que passa
    Teu sofrer
    Se todo mundo sambasse
    Seria tão fácil viver
    ___
    Bj

  • Wanderley Elian Lima says:
    2 de dezembro de 2010 09:54

    Oi Lu
    Eu não sabia. Infelizmente hoje cada vez toca-se menos samba nas rádios. A música de mal gosto, tomou lugar , pois são mais comerciais. Adorei a imagem.
    Bjux

  • Lupo says:
    2 de dezembro de 2010 11:07

    Como é gostoso um sambinha de verdade! Agora que chegou a vez, vou cantar! =D

  • Blog da Fofa says:
    2 de dezembro de 2010 13:18

    Lu querido. Amei o texto. Adoro o samba. Lá na minha casa todo mundo é bamba. Todo mundo dança. Todo mundo samba. E ninguém se cansa. Pois minha casa. É casa de bamba. ,Q bom né? Sou sincera, nem sabia q existia o dia do Samba. Estou sempre aprendendo sobre assuntos interessantíssimos com você. Muito obrigada por acariciar minha mente com o conhecimento. Bjão

  • Denise Guerra says:
    2 de dezembro de 2010 14:37

    Oi Lu, esta data é muito importante para nós cariocas, o samba faz parte da nossa maior cultura. não é atoa que temos tantas escolas de samba e o carnaval carioca resplandece para o mundo. Aqui todos os dias tem samba, em quase todos os bairros tem alguma roda de samba, todos os dias da semana tem uma roda de samba famosa.Aqui literalmente tudo acaba em samba! Hoje tem o trem do samba que retoma os costumes de um dos maiores sambistas do Rio Paulo da Portela, criador da minha escola Azul e Branco tão querida! Um beijão por este dia de alegria!

  • ALEXANDRE says:
    2 de dezembro de 2010 14:37

    O samba é um gênero musical, de onde deriva um tipo de dança, de raízes africanas surgido no Brasil e tido como o ritmo nacional por excelência. Considerado uma das principais manifestações culturais populares brasileiras, o samba se transformou em símbolo de identidade nacional.Dentre suas características originais, está uma forma onde a dança é acompanhada por pequenas frases melódicas e refrões de criação anônima, alicerces do samba de roda nascido no Recôncavo Baiano e levado, na segunda metade do século XIX, para a cidade do Rio de Janeiro pelos negros que migraram da Bahia e se instalaram na então capital do Império. O samba de roda baiano, que em 2005 se tornou um Patrimônio da Humanidade da Unesco,foi uma das bases para o samba carioca.E eu gosto muito de samba

    valew.

  • Brasil Desnudo says:
    2 de dezembro de 2010 17:01

    Olá, Lu!!

    Boa Tarde, amigo!!

    Muito bom o comentário do Alexandre, onde revela a essência do samba brotado em território baiano, e vindo parar na Pedra do Sal, reduto do Samba carioca...
    Mas seu amigo me prestigiou, passando lá pelo Desnudo, o Guará!!
    E acabou me provocando em seu comentário, deixado lá Desnudo, daí resolvi responder através do Post, onde findo a Saga da Cidade Maravilhosa, onde seu comentário, teve tudo a ver com a matéria que já vinha montando...
    Uma viagem no tempo, mas se fez necessário para entender melhor, o porque do Slogan dado a Cidade Maravilhosa...
    Mas achei ótimo o comentário do Guará, excelente!

    Uma ótima noite pra Ti, querido amigo...

    Marcio RJ

  • Prof. Adinalzir says:
    2 de dezembro de 2010 21:48

    Já que estamos todos falando de samba. Aqui vai o link do samba enredo 2011 da Escola de Samba Unidos da Tijuca, no Rio de Janeiro. http://unidosdatijuca.com.br/g-r-c-e-m-tijuquinha/samba-enredo-tijuquinha-do-borel-2011/
    Curtam bastante e um grande abraço!

  • Blábláblá na rede says:
    2 de dezembro de 2010 23:01

    Oie Lú...que legal, eu não sabia...adooooooooro samba é bom demais...aquece o coração...Quanto ao meu link sobre os idosos fique a vontade, tá liberado, o que eu puder fazer para ajudar sobre esse assunto eu faço, acredito que se cada um fizer um pouquinho tudo poderá melhorar...chêro, boa noite. Khelen

  • kleber says:
    3 de dezembro de 2010 07:12

    otimo post
    quem nao sabe dançar faz de tudo pra saber a ilusitada
    a mulherada adora

  • Talles Azigon says:
    3 de dezembro de 2010 11:02

    é como o velho e bom samba diz, quem não gosta de samba, bom sujeito não é ^^
    Samba é tudo de bom
    assim como o blog do LuCidreira

    abraços

  • Dom Quixote (Thomaz) says:
    3 de dezembro de 2010 19:56

    Como eu gosto muito de samba, que cada dia seja o dia de samba para todos nós. O ritmo é mesmo o símbolo da parte boa deste país!

  • Victor Faria says:
    3 de dezembro de 2010 21:19

    Valiosas informações! Excelente post!
    Abraço!

  • Bia Oliveira says:
    4 de dezembro de 2010 00:36

    Oi Lu, muito obrigada pelo carinho no meu cantinho!

    Eu não sabia que dia 02/12 era dia do samba, legal essa lembrança! Afinal, o samba é tradução da nossa gente. Descontraído e esperançoso :)

    Tentei seguir, mas não achei a opção aqui.. de qualquer forma, voltarei.

    Beijos

  • Professora Carla Fernanda says:
    6 de dezembro de 2010 08:28

    Bom dia Lu e uma excelente semana!!!
    Abraços,
    Carla Fernanda

Comentários atuais

Seguidores

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também

Uol

Gostou do Blog? Então doe um drinque?

Estamos no Google+

Google+ Followers

Lançamento do livro de Rita Cidreira

Lançamento do livro de Rita Cidreira
Os maus tratos vividos em um casamento conturbado de uma mulher bem sucedida na vida vão transformar sua vida e viver um dilema de sentimentos. Ela luta com a ajuda da família, para solucionar o problema e se renova buscando a força necessária, para reviver uma nova historia, encontrado no acaso, através da ajuda de um homem desconhecido a força do amor que ira desabrochar e vai mudar toda sua vida. A mudança de um homem, que por causa de um atropelamento, ressurge, emerge para o brilho da vida e persevera, perseguindo seu real objetivo, para viver seu grande amor. Mesmo sabendo de todas as dificuldades que irá encontrar para prosseguir o seu caminho. Categorias: Romance, Poesia, Ficção e Romance, Ficção Palavras-chave: a, amor, do, força, fronteiras., sem. Clique na imagem que levará ao Clube dos Autores e adquira seu exemplar.