Quem sou eu

Minha foto
Sou Guerreira, romântica, poeta, escritora, paciente, prudente, perseverante, amante da natureza...

Follow by Email

Minha lista de blogs

Dias de Vida do blog

Total de visualizações de página

1 de outubro de 2012

Dia internacional do Idoso

Terceira idade já tem bons motivos para comemorar

1º de outubro

Dia Internacional do Idoso comemora uma população que cresce

Heidi Strecker*
Especial para a Página 3 Pedagogia & Comunicação

Tenho certeza que você já viu uma plaquinha no ônibus ou no metrô reservando alguns assentos para pessoas idosas. Já reparou nisso? Isso acontece para facilitar a vida das pessoas mais velhas.

Desde 2004 o Brasil tem leis muito boas para proteger os idosos. Essas leis fazem parte do Estatuto do Idoso. Outros exemplos: desconto de 50% nas atividades culturais, de lazer e esportivas; programas nos meios de comunicação com conteúdos culturais e educativos sobre o processo do envelhecimento; penalidades para quem mostrar imagens que desrespeitem as pessoas mais velhas ou para quem abandonar os idosos sem assistência.

No dia 1º de outubro se comemora o Dia Internacional do Idoso, instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU). Você sabia que a população de idosos não pára de crescer? No Brasil, são mais ou menos 15 milhões de pessoas. Daqui a 20 anos, essa população deve dobrar. No mundo inteiro a população está ficando mais velha.

Até 2050, o número de pessoas acima de 65 anos será maior do que o de pessoas com menos de 15, nos países mais avançados. E tem mais! Hoje, a expectativa de vida nos países desenvolvidos é de mais ou menos 75 anos e será de mais ou menos 90 anos em 2050.

Pensar na velhice é tarefa de todos, não só dos velhos mas também dos jovens. Quando dizemos que alguém é velho, queremos dizer o quê? Velho pode ser uma palavra carinhosa ou pejorativa. Existe preconceito em relação aos idosos. E onde há preconceito - você já sabe - tem muito desconhecimento. Por um lado, a idade está associada à sabedoria e à experiência. Por outro lado, o velho é visto como uma pessoa frágil e sem autonomia.

Até no dicionário podemos notar isso. Há várias formas de se referir a uma pessoa idosa. Veterano, sênior, ancião, coroa, pessoa de idade, longevo, adiantado em anos, avançado em anos. Conforme a idade, o idoso pode ser ainda sexagenário, septuagenário, octogenário, nonagenário ou centenário. Gostou?

Pensando bem, a velhice é apenas mais uma fase da vida. E uma fase que pode ser bem longa. Hoje em dia muitos países convivem com idosos de diversas gerações. A ONU divide os idosos em três categorias: os pré-idosos (entre 55 e 64 anos); os idosos jovens (entre 65 e 79 anos - ou entre 60 e 69 para quem vive na Ásia e na região do Pacífico); e os idosos de idade avançada (com mais de 75 ou 80 anos).

Você nunca tinha pensado nisso, não é? Com a elevação da expectativa de vida, a chamada terceira idade esticou bastante. Isso aconteceu por vários motivos, mas os principais são os avanços da medicina e as melhorias na qualidade de vida. Se a população está ficando mais velha, também está ficando mais saudável. Há até uma especialidade médica para cuidar das pessoas mais velhas: a geriatria.

Como comemorar o Dia Internacional do Idoso? Lembrando que a gente também vai chegar lá. Aprender a envelhecer faz parte da educação de todas as pessoas. Vamos comemorar com cuidados e atenções, respeito e gentileza, como todo idoso merece. Que tal? Vamos comemorar assim, com doçura e alegria, a vida longa de nossos familiares e conhecidos. Parabéns a eles!
Por Heidi Strecker é filósofa e educadora.

Neste dia também se comemora o dia de Santa Terezinha e dia do vereador, o Blog do Lu Cidreira abraça e parabeniza todos neste dia.

7 comentários :

  • Marcos Mariano says:
    1 de outubro de 2012 13:48

    Nossa, quanta informação, realmente eu ainda não tinha me dado conto de toda essa classificação e condição do idoso, sempre vi o idoso apenas como idoso. Mas agora lendo essa postagem consigo perceber que nos dias de hoje a velheci esta mais para um estado de espírito do que própriamente idade avançada. Vejo muitos idosos nos dias de hoje que dão de 10 a 0 nos mais novos, alias, os jovens de hoje é que parecem velhos, todos preguiçosos, desinteressados, acomodados e sem animo algum.
    Que post maguinifico Lu, apesar de muitas melhorias terem sido feitas a favor do idoso,no que diz respeito a proteção e qualidade de vida, ainda estamos longe, quele que é o tratamente justo e benefico para terceira idade.

    Abraços Lu

  • Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz says:
    1 de outubro de 2012 15:10

    meu dia? como assim? e ninguém me avisa? quero presente ora bolas ... kkkk

  • Junior Menezes says:
    2 de outubro de 2012 10:32

    Olá!Tudo bem? Antes de tudo, meus sinceros agradecimentos pela sua visita ao meu blog e pelo comentário, saiba que a felicidade que sinto a cada nova amizade que faço é muito grande!!! Parabéns por esta postagem e por lembrar das pessoas idosas, que, em sua maioria, não recebem o devido respeito e muitas vezes são até excluídas de uma vida social digna... É triste ver alguém tratar mal um idoso, pois eles não lembram que têm pai,mãe ou avós idosos e o pior esquecem que um dia também serão idosos...

    Um grande abraço!!!

  • rabiscosdomane@gmail.com says:
    2 de outubro de 2012 14:36

    Eu já estou na pré velhice e em todos os anos da até hoje eu fiz questão de sempre, em todos os momentos dar o meu respeito aos idosos que passaram pela vida por segundos que tenham sido.

    Abraços Lu!

  • Anne Lieri says:
    2 de outubro de 2012 18:40

    Lu,um texto muito bom,de conscientização e valorização do idoso!Daqui alguns anos nosso país será de pessoas mais amadurecidas,pois cada dia os jovens tem menos filhos!Adorei a divisão das idades do idoso.Logo chego no prezinho!...rss...bjs,

  • Olinda Melo says:
    3 de outubro de 2012 06:01


    Caro Lu Cidreira

    Excelente post que nos traz muita informação sobre esta fase da vida. Gostei muito de ver o escalonamento da chamada 'terceira idade', mostrando que a esperança de vida da pessoa idosa é uma realidade.
    É de louvar os beneficios concedidos aos mais velhos. Isso e a nossa atenção e carinho, começando em nossa casa, demonstrarão que, realmente, somos dignos deles e do seu legado, fundado na experiência e sabedoria.

    Abraço, meu amigo.

    Olinda

  • Maria de Lourdes says:
    1 de outubro de 2013 17:53

    A todos os idosos do mundo, o meu respeito, carinho, abraço fraterno, amizade porque são as raizes das nossas histórias. Que sejam mais compreendidos,entendidos, amados e amparados.

Comentários atuais

Seguidores

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também

Uol

Gostou do Blog? Então doe um drinque?

Estamos no Google+

Google+ Followers

Lançamento do livro de Rita Cidreira

Lançamento do livro de Rita Cidreira
Os maus tratos vividos em um casamento conturbado de uma mulher bem sucedida na vida vão transformar sua vida e viver um dilema de sentimentos. Ela luta com a ajuda da família, para solucionar o problema e se renova buscando a força necessária, para reviver uma nova historia, encontrado no acaso, através da ajuda de um homem desconhecido a força do amor que ira desabrochar e vai mudar toda sua vida. A mudança de um homem, que por causa de um atropelamento, ressurge, emerge para o brilho da vida e persevera, perseguindo seu real objetivo, para viver seu grande amor. Mesmo sabendo de todas as dificuldades que irá encontrar para prosseguir o seu caminho. Categorias: Romance, Poesia, Ficção e Romance, Ficção Palavras-chave: a, amor, do, força, fronteiras., sem. Clique na imagem que levará ao Clube dos Autores e adquira seu exemplar.