Follow by Email

Minha lista de blogs

Dias de Vida do blog

Total de visualizações de página

19 de agosto de 2014

Dia mundial da fotografia


19 de Agosto

Por volta de 1554, Leonardo Da Vinci descobriu o princípio da câmera escura. Segundo este princípio, a luz refletida por um objeto projeta fielmente sua imagem no interior de uma câmera escura, que contenha um orifício para a entrada dos raios luminosos.
Fazendo uso deste princípio, muitos artistas simplificavam o trabalho de copiar objetos e cenas, utilizando câmeras dos mais diversos formatos e tamanhos. Ficavam dentro da própria câmera e pintavam a imagem refletida em uma tela ou pergaminho preso na parede oposta ao orifício da caixa.
Já o princípio da fotosensibilidade, que permite a gravação de imagens fixas e duradouras e que se baseia no fato de alguns compostos químicos serem alterados quando expostos à luz visível, era conhecido desde a antiguidade, em alguns dos seus aspectos, como a descoloração de certas substâncias por efeito da luz solar.
Para o processo se tornar mais automático, faltava descobrir ainda um material sensível à ação da luz que pudesse substituir o pergaminho e registrar automaticamente uma imagem ao ser atingido pela luz refletida de um objeto.
Em 1816 o químico francês Nephòre Nièpce deu os primeiros passos para resolver o problema, conseguindo registrar imagens em um material recoberto com cloreto de prata. Mais tarde, em 1826, ele associou-se ao pintor Daguerre, e ambos desenvolveram uma chapa de prata que, tratada com vapor de iodo, criava uma camada superficial de iodeto de prata, substância capaz de mudar de cor quando submetida à luz.
A experiência foi o primeiro passo prático para a fotografia em toda a Europa, possibilitando combinar a chapa foto-sensível (filme) e a câmera escura (máquina fotográfica). A Partir daí, o aperfeiçoamento da técnica fotográfica teve muitas colaborações.
Em 1860 surgiram os primeiros estúdios fotográficos. Na época, para tirar uma foto, a pessoa deveria ficar imóvel cerca de dois minutos e precisava até ser presa a um dispositivo, para não tremer. O fotógrafo era ainda um verdadeiro artesão no processamento químico e nos retoques indispensáveis.
Não tardaram a aparecer também os fotógrafos ambulantes que, como pioneiros, correram o mundo divulgando a nova arte, transportando complicados laboratórios e equipamentos em carroças.
Em 1867, o físico francês Louis Ducos anunciou outra novidade; a fotografia colorida. Treze anos mais tarde, por iniciativa do norte-americano George Eastman, a fotografia começou a se popularizar e o filme passou a ser embalado em rolos.

Com máquinas menores e mais fáceis de usar, hoje a fotografia é objeto comum de todos. Recentemente surgiu também a fotografia digital, que também já começa a se popularizar.
Fonte: Soleis
Este Blog parabeniza a todos os que dessa arte fazem o seu labor, seja amador ou profissional.
Ha muito que essa Arte vem sendo desenvolvida no mundo, e agora mesmo tirando muitos profissionais da área deixando a margem por não avançar junto a ela, sabemos que o advento da fotografia digital estagnou muitos fotógrafos de seguir adiante, pois as câmeras digitais iniciaram com valores muito altos e muitos deixaram de lado a sua bela visão dessa maneira de ganhar o pão de cada dia.
Havia ah algum tempo atrás que muito que ganhavam a vida com fotografia não tinham uma escolaridade avançada (os lambes lambes) por ex. e, fazer uma reciclagem até com a fotografia analógica ficava difícil. Pois os presos das câmeras já eram pesadas para muitos, adquirir uma câmera profissional quase não chegava para quem desejava. 
Ai chega as digitais que inicialmente uma câmera profissional era quase impossível adquirir quanto mais se atualizar em um curso para esse fim.
Mesmo assim nós dessa Blog desejamos que os que tiveram e tem em suas carreiras a fotografia como seu labor possam seguir adiante e se realizem e tenham muitas visões pela frente com a magia da fotografia.

Leiam mais sobre fotografia nos links abaixo:
http://lucidreira.blogspot.com.br/2014/01/08-de-janeiro-dia-nacional-da.html
http://lucidreira.blogspot.com.br/2013/01/homenagem-aos-que-tem-como-habito.html
http://lucidreira.blogspot.com.br/2009/02/voltando-falar-sobre-fotografia.html
http://lucidreira.blogspot.com.br/2008/01/fotografia-um-pouco-de-sua-histria.html
http://lucidreira.blogspot.com.br/2008/10/voltando-falar-sobre-fotografia.html
http://lucidreira.blogspot.com.br/2008/08/histria-da-fotografia-em-homengem-ao.html
http://lucidreira.blogspot.com.br/2008/01/fotografia-fundamentos-da-fotografia.html
http://lucidreira.blogspot.com.br/2013/08/esse-dia-e-comemorado-o-dia-mundial-da.html

Fonte de pesquisa Internet
Fonte de imagem arquivo do Blog do Lu cidreira, meramente ilustrativa.

7 comentários :

  • Adriana Helena says:
    19 de agosto de 2014 14:40

    Olá Lu Cidreira, como vai, tudo bem?
    Creio que todos nós gostamos um pouquinho de fotografia, pois faz parte do nosso cotidiano!
    Adorei saber do surgimento da primeira máquina, com Leonardo da Vinci, sempre um gênio em várias artes!

    Um grande abraço e ótima semana!

  • lis says:
    19 de agosto de 2014 19:28

    Pra mim o melhor hobby é a fotografia.
    Cria uma percepção maior das coisas ao redor.
    Parabéns pelo bom texto .
    Gostei muito de saber mais a respeito da fotografia.
    um abraço

  • Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz says:
    20 de agosto de 2014 11:27

    Amo a arte da fotografia e adoro admirar o exercício desta arte qdo feita pelos competentes q vão além da onda dos Selfs ...

  • Fernando Melis says:
    20 de agosto de 2014 12:10

    Oi, Luizão.
    Tudo bem contigo, meu rei? Saúde boa? Estou estranhando seu sumiço.
    Quando puder, dê um alô, ok?
    Abraços e até mais ler.

  • Dorli says:
    20 de agosto de 2014 18:08

    Oi Luis

    A modernidade, às vezes, nos da saudades daquelas fotografias preto e branca.
    Eu as prefiro, mas minha preferência morreu.
    " Desistir de um sonho, na minha opinião não é ser covarde, é ver que a vida está lhe fugindo pelos dedos, com dores insuportáveis e a sua salvação é a morte". Pensei na minha vizinha que morreu há pouco.
    Beijos
    Lua Singular

  • Dorli Silva says:
    20 de agosto de 2014 23:15

    Oi tio Lu
    Passando meio atrasadinhos, mas com o tempo de desejar-lhe uma linda noite
    Tio, passa o anti-vírus, tá difícil comentar aqui
    Beijinhos
    Mundo dos Inocentes

  • Luma Rosa says:
    21 de agosto de 2014 00:34

    Oi, Lu!
    Tinha que ser Leonardo Da Vinci! :D Ele colocou os miolos para funcionar em praticamente todas as àreas. O Deus da Inventividade!
    Sou apaixonada por fotografia, mas na maioria das vezes por não estar equipada, tiro fotos do celular. Vale dizer que antes de adquirir um celular, presto muita atenção nesse detalhe :D
    Imagina se não existisse a fotografia... A internet seria uma chatura!
    Beijus,

Comentários atuais

Seguidores

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também

Uol

Gostou do Blog? Então doe um drinque?

Estamos no Google+

Google+ Followers

Lançamento do livro de Rita Cidreira

Lançamento do livro de Rita Cidreira
Os maus tratos vividos em um casamento conturbado de uma mulher bem sucedida na vida vão transformar sua vida e viver um dilema de sentimentos. Ela luta com a ajuda da família, para solucionar o problema e se renova buscando a força necessária, para reviver uma nova historia, encontrado no acaso, através da ajuda de um homem desconhecido a força do amor que ira desabrochar e vai mudar toda sua vida. A mudança de um homem, que por causa de um atropelamento, ressurge, emerge para o brilho da vida e persevera, perseguindo seu real objetivo, para viver seu grande amor. Mesmo sabendo de todas as dificuldades que irá encontrar para prosseguir o seu caminho. Categorias: Romance, Poesia, Ficção e Romance, Ficção Palavras-chave: a, amor, do, força, fronteiras., sem. Clique na imagem que levará ao Clube dos Autores e adquira seu exemplar.