Quem sou eu

Minha foto
Sou Guerreira, romântica, poeta, escritora, paciente, prudente, perseverante, amante da natureza...

Follow by Email

Minha lista de blogs

Dias de Vida do blog

Total de visualizações de página

11 de dezembro de 2015

9 doenças que mais matam em todo o mundo - Re -publicando

Taí o que todos os fumantes deveriam saber mais uma vez, e tentar mudar seus hábitos para um prolongamento de vida . Um conselho que vale ouro.



Conheça as 9 doenças que mais matam em todo o mundo
OMS alerta que campanhas contra o cigarro parecem ser prioridade
Mais de 50 milhões de pessoas morrem anualmente no planeta – número maior que a população inteira do estado de São Paulo. Fazer esta conta pode parecer algo um tanto mórbido mas, segundo a Organização Mundial de Saúde, saber quantas pessoas morrem a cada ano e a causa destas fatalidades é fundamental para identificar problemas e implementar políticas públicas de saúde eficazes. E campanhas contra o cigarro parecem ser prioridade: segundo o último relatório da OMS, publicado em 2011 e baseado em dados de 2008, o cigarro está ligado a três das doenças mais fatais e é responsável pela morte de 1 em cada 10 adultos mundo afora. De que mais as pessoas tem morrido? Confira as 9 doenças que mais matam no mundo:

1. Cardiopatia isquêmica

Número de mortes: 7,25 milhões (12,8%)

Uma doença, normalmente causada por uma aterosclerose coronariana, em que se verifica isquemia do miocárdio. Não entendeu nada? Calma, a gente explica. A cardiopatia isquêmica acontece quando alguma coisa atrapalha a irrigação do coração (que, além de bombear sangue para o resto do corpo, também é movido a sangue!). Isso rola quando placas de gordura, colesterol, cálcio ou colágeno se acumulam nas artérias, dificultam a circulação do sangue e atrapalham o ritmo do músculo mais importante do seu corpo. Coraçãou parou, suas células começam logo a morrer. Aí, já viu. O risco da doença aumenta com a idade, mas também pode ser agravada por tabagismo, consumo de carne vermelha, diabetes e hipertensão arterial.

2. Derrame e outras doenças vasculares cerebrais

Número de mortes: 6,15 milhões (10,8%)

O derrame – nome popular do acidente vascular cerebral (AVC) ou acidente vascular encefálico (AVE) – é provocado pelo entupimento ou rompimento de vasos sanguíneos cerebrais. Idade avançada, hipertensão arterial (pressão alta), colesterol elevado, tabagismo e diabetes são alguns dos principais fatores de risco. Fique atento aos sintomas: quanto mais rápido o atendimento, maiores as chances de sobrevivência.

3. Doenças inflamatórias do trato respiratório inferior

Número de mortes: 3,46 milhões (10,8%)

Traqueia, pulmões, brônquios, bronquíolos e alvéolos pulmonares compõem as vias aéreas inferiores, parte do aparelho respiratório também chamada de trato respiratório inferior. Infecções nessa região geralmente são causadas pelo mal funcionamento dos cílios que revestem a traqueia – é graças ao movimento deles que a sujeira que inalamos ao respirar é varrida para fora através da tosse. A pneumonia, doença inflamatória no pulmão, também se enquadra nesta “doença mortal”.

4. Doenças pulmonares obstrutivas crônicas

Número de mortes: 3,28 milhões (6,1%)

Falta de ar, fadiga muscular, insuficiência respiratória. Estes são alguns dos sintomas das Doenças Pulmonares Obstrutivas Crônicas (DPOC), que incluem a enfisema e a bronquite crônica. Geralmente provocadas por tabagismo, exposição passiva ao fumo, exposição à poeira, poluição ambiental ou fatores genéticos, as DPOC destroem os alvéolos e comprometem o funcionamento do pulmão. Está na hora de rever a qualidade do ar que você respira.

5. Diarreia
Número de mortes: 2,46 milhões (4,3%)

Uma “simples” diarreia pode ser mortal. Podendo ser causada por doenças inflamatórias intestinais, efeitos colaterais ao uso de medicamentos, infecções (por vírus, bactérias ou parasitas) e alergias, a diarreia leva à perda de grandes quantidades de água e sais minerais, o que pode desencadear quadros de desidratação grave.

6. HIV/AIDS

Número de mortes: 1,78 milhões (3,1%)

Responsável por tirar mais de 25 milhões de vidas ao longo das últimas três décadas, a doença continua a ser uma grande preocupação global. O Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV) atinge o sistema imunológico e enfraquece a defesa contra infecções e alguns tipos de câncer. À medida que o vírus destrói e prejudica a função de células do sistema imunológico, os indivíduos infectados tornam-se gradualmente incapazes de combater infecções. O estágio mais avançado da infecção pelo HIV é a Síndrome da Imunodeficiência Adquirida, a AIDS, que pode levar entre 2 a 15 anos para se desenvolver, dependendo do indivíduo. Apesar de ainda não ter cura, o tratamento com medicamentos anti-retrovirais consegue controlar o vírus.

7. Câncer de pulmão, traqueia e brônquios

Número de mortes: 1,39 milhões (2,4%)

O cigarro ataca novamente: a causa mais comum deste tipo de câncer é a exposição prolongada à fumaça do cigarro. Um dos motivos de ser tão mortal é provavelmente seu difícil diagnóstico – o câncer no pulmão, o mais comum no Brasil, costuma ser descoberto em estágios avançados, o que faz o índice de mortalidade chegar a 86%.
Leia também: Quais tipos de câncer mais matam no Brasil?

8. Tuberculose

Número de mortes: 1,34 milhões (2,4%)

Causada pelo Mycobacterium tuberculosis (ou bacilo-de-koch), a tuberculose é uma das mais antigas doenças documentadas pela humanidade, e foi responsável por uma grande epidemia que matou 1 bilhão de pessoas entre 1850 e 1950. Altamente contagiosa e transmitida de pessoa para pessoa através das vias respiratórias, a “peste cinzenta” pode ser tratada através do uso de antibióticos, que curam o paciente em até seis meses. Apesar disso, a tuberculose continua sendo uma das doenças que mais causa mortes no mundo.
Leia também: Grandes epidemias ao longo da história 

9. Diabetes mellitus

Número de mortes: 1,26 milhões (2,2%)

A glicose é uma importante fonte de energia para o organismo. Em excesso, no entanto, pode causar uma série de complicações – incluindo ataques cardíacos, derrames cerebrais, cegueira, hipertensão arterial e insuficiência renal, como aponta a American Diabetes Association. Por isso é tão importante seguir um tratamento regular para a diabetes, doença que provoca o aumento anormal do açúcar no sangue.

Bônus:

Os acidentes rodoviários ocupam o décimo lugar no ranking das principais causas de morte no mundo. Anualmente, são registradas cerca de 1,21 milhões de mortes no trânsito, o que representa 2,1% do total de falecimentos. Além disso, a cada ano, cerca de 50 milhões de pessoas sofrem acidentes não-fatais nas estradas.

Fonte:
Organização Mundial da Saúde/ por Jessica Soares - SUPERINTERESSANTE

8 comentários :

  • ✿ chica says:
    13 de dezembro de 2012 06:04

    Estamos cercados de perigos,né? Cuidado com a saúde! abração,chica

  • Wanderley Elian Lima says:
    13 de dezembro de 2012 09:01

    Realmente Lu o cigarro e causador de várias doenças, mas infelizmente ainda fumo. Enquanto não houver uma conscientização maior da população mundial, essas doenças vão continuar matando, pois muitas delas podem ser evitadas tomando os devidos cuidados.
    Abração

  • Pedro Luis López Pérez (PL.LP) says:
    13 de dezembro de 2012 10:11

    Hace pocos días que estuve en un Taller de Ayuda para dejar de Fumar y los avances son muy positivos. Me he propuesto dejarlo a partir del próximo Año.
    Muy buen Post, Lu.
    Um abraço.

  • nandarilha says:
    13 de dezembro de 2012 10:22

    O cigarro é uma das coisas que mais detesto, pois convivo com fumantes e peguei nojo do cheiro.... a fumaça parece que gruda nos cabelos, nas roupas, aff... imagina como fica o nosso corpo por dentro. Fora que não tem coisa mais desagradável do que alguém soltando uma baforada de fumaça perto de ti.

  • Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz says:
    13 de dezembro de 2012 11:28

    Nem assim o Bratz aprende ... continua um fumante ... fazer o que né? Dizem q BURRO véio não aprende ... rs

    bjão

  • Orvalho do Céu says:
    16 de dezembro de 2012 14:30

    Olá, Lu
    Passo, com calma, bem antes da data, para desejar-lhe, com carinho fraterno, que vc tenha Boas Festas neste fim de ano!!!
    "A felicidade é com a gota de orvalho numa pétala de flor, brilha tranquila, depois que leve oscila e cai como a lágrima de amor".
    Que vc seja muito feliz!!!
    Abraços fraternos de Boas Festas

  • Magda Moreira says:
    16 de dezembro de 2012 14:45

    Olá, amigos!!!!!!
    Venho comunicar á criação da CARTEIRINHA Agenda dos Blogs. Conto com á participação de todos para tê-la. Com á Carteirinha, você terá direito aos projetos futuros aqui no Blog, como: sorteios, prêmios aos Blogs, mais divulgação etc...
    Para mais informações, vá até o Blog e leia as instruções. Conto com o carinho de todos vocês!!!! Bjs!!!!!
    http://www.agendadosblogs.blogspot.com.br

  • Touché Lopes says:
    11 de dezembro de 2015 23:45

    Caro amigo Cidreira, seu blog ,sim,tem informações "que valem ouro", eu estou sempre aprendendo com você.Um forte abraço !!

Comentários atuais

Seguidores

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também

Uol

Gostou do Blog? Então doe um drinque?

Estamos no Google+

Google+ Followers

Lançamento do livro de Rita Cidreira

Lançamento do livro de Rita Cidreira
Os maus tratos vividos em um casamento conturbado de uma mulher bem sucedida na vida vão transformar sua vida e viver um dilema de sentimentos. Ela luta com a ajuda da família, para solucionar o problema e se renova buscando a força necessária, para reviver uma nova historia, encontrado no acaso, através da ajuda de um homem desconhecido a força do amor que ira desabrochar e vai mudar toda sua vida. A mudança de um homem, que por causa de um atropelamento, ressurge, emerge para o brilho da vida e persevera, perseguindo seu real objetivo, para viver seu grande amor. Mesmo sabendo de todas as dificuldades que irá encontrar para prosseguir o seu caminho. Categorias: Romance, Poesia, Ficção e Romance, Ficção Palavras-chave: a, amor, do, força, fronteiras., sem. Clique na imagem que levará ao Clube dos Autores e adquira seu exemplar.